Implantes dentais, com o implantodontista Dario Godinho

Cerca de 10 anos atrás, minha mãe, dona Eugênia Guilherme, realizou um grande sonho. Jogar no lixo as velhas próteses e fazer seus implantes dentais. Sim, se podemos dizer que uma pessoa a vida inteira sonhou com algo, esse foi o caso de minha mãe. Também pudera, todos os seus dentes foram arrancados sem dó ou piedade. E, o pior, sem anestesia.

Implantes dentais

Imagine a cena… Estou falando de um fato acontecido em 1953. Depois disso, lhe deram as “dentaduras” e ela nunca mais foi a mesma. Machucados constantes na boca, insegurança para rir, espirrar, comer… Eu entendo perfeitamente bem, quando o sonho de uma pessoa que não tem dentes, é fazer os implantes dentais. Principalmente, nos dias de hoje. A tecnologia material e de técnicas é incrível.

Convidamos o implantodontista Dario Godinho, um dos responsáveis pelo resultado maravilhoso dos implantes dentais de dona Eugênia. Ao final dessa entrevista, um vídeo com a minha querida, que esbanja um sorriso fácil e largo. Os dentes se mantêm lindos, sem qualquer dano pelo tempo de uso. Quem conhece a dona Eugênia sabe que a vida sorri, depois dos implantes.

Dr. Dario Godinho, referência em implantes dentais

Dr. Dario Godinho, implantodontista – CRO-GO 3010

Aurélia Guilherme – O que são implantes dentais?

Dr. Dario Godinho – São dispositivos utilizados para a reposição de dentes perdidos ou ausentes. Seja uma perda por cárie, traumatismo ou pela própria ausência, chamada de agenesia. Esses implantes dentais são colocados através de um procedimento cirúrgico rápido e indolor. Tudo é feito dentro de um centro cirúrgico específico para esse tipo de tratamento. Depois que os implantes são implantados há duas opções. Primeiro, pode-se optar pela carga imediata (dentes provisórios são imediatamente instalados). Outra opção é colocar uma prótese provisória de 45 a 60 dias após o ato cirúrgico.

Algumas condições analisadas durante a consulta prévia à cirurgia vão determinar o tempo de espera. Se será um implante imediato ou tardio.

Aurélia Guilherme – Que condições seriam essas?

Dr. Dario Godinho – A reabsorção óssea seria uma dessas condições. Quando você perde algum elemento dental, o organismo inicia um processo de reabsorção óssea ao redor daquele dente perdido. Essa reabsorção é progressiva e com o passar do tempo vai se acentuando. Para fazer algum implante, muito provavelmente será necessário fazer um enxerto ósseo.

O enxerto ósseo é uma técnica utilizada para reconstrução do osso perdido após uma extração de dente. É usada mesmo após anos dessa extração ter sido realizada. Ele é feito atualmente com bio-materiais extremamente confiáveis. Antes era necessário remover parte do osso de outro local do organismo para reconstrução do osso perdido. Essa técnica antiga não se usa mais.

Aurélia Guilherme – De que material são feitos os implantes dentais?

Dr. Dario Godinho – Os implantes ósseo integrados são feitos de um tipo de metal chamado Titânio. Um material que o organismo reconhece como sendo parte do corpo, Com isso, reduzimos as chances de rejeição. Porém, os implantes dentários devem ter boa procedência. Quando o fabricante é confiável, a possibilidade de perda ou rejeição do implante é praticamente nula, em cerca de 2%. Os implantes são divididos em dois tipos, implantes importados e nacionais. Os implantes importados continuam sendo os melhores existentes no mercado. São os mais confiáveis e, são com esses, que o CBI trabalha.

Aurélia Guilherme – Com que marca de implantes o CBI trabalha?

Dr. Dario Godinho – O CBI possui uma parceria com a fábrica americana Biomet 3i, desde 1997. Nós optamos por trabalhar com ela. Isso porque é uma empresa que nos dá dez anos de garantia dos produtos utilizados.

Aurélia Guilherme – Quais são os equipamentos de segurança do centro cirúrgico, usados para fazer implantes?

Dr. Dario Godinho – Esta é uma preocupação constante do CBI. Nós temos uma central de esterilização totalmente adequada as normas e exigências, para que tenhamos uma cirurgia mais limpa possível. Possuímos uma sala cirúrgica com equipamentos para que o paciente tenha toda sua integridade mantida durante todo procedimento. Possuímos aparelhos como o oxímetro, desfibriladores, monitores cardíacos. Contamos com a presença, em cirurgias de porte maior, de um médico anestesista durante todo procedimento cirúrgico, caso seja necessário.

Nós do CBI, temos como prioridade a segurança, o conforto e o respeito. Trabalhamos com que há de melhor para ser oferecido ao paciente. Qualquer procedimento mais invasivo é feito dentro de um centro cirúrgico, utilizado exclusivamente para a instalação dos implantes. O espaço é totalmente equipado com os equipamentos mais modernos e seguros para que não tenhamos nenhum risco de contaminação. Nosso sucesso é próximo aos 100%.

A parceria de sucesso entre os implantodontistas Jairo José e Dario Godinho

Dr. Jairo José (esq. da foto) e o dr. Dario Godinho, parceiros de mais de duas décadas, já colocaram mais de 15 mil implantes bem sucedidos. 

Tecnologia de ponta

Os doutores Jairo José e Dario Godinho fazem uma parceria de sucesso, investem em conhecimento e equipamentos de ponta. Entre eles está o equipamento que oferece o sistema Cerec – CAD/CAM. A perfeita associação da tecnologia de escâneres 3D com um software. Os escâneres digitalizam imagens de modelos ou da boca para o software desenhar as próteses ou as estrutura. Em seguida, há a confecção do dente em porcelana. Este aparelho promove uma revolução na confecção de próteses para pacientes com perdas dentárias, aliando alta precisão e velocidade. Isso é feito a partir do escaneamento e da fresagem das peças para a prótese sobre implante. Tudo feito em níveis de excelência.

Procedimento seguro e indolor

Aurélia Guilherme –  A colocação dos implantes é dolorosa?

Dr. Dario Godinho – Ao contrário do que muitas pessoas pensam, este é um procedimento seguro e totalmente indolor. Desde que seja feito por uma equipe competente, em um local adequado, o paciente não vai sentir dor nenhuma.

Depois de ler essa entrevista, clique aqui. Confira um outro caso ainda mais surpreendente de reconstrução de sorriso, que só foi possível graças aos implantes dentais 

Aurélia Guilherme – Qual a diferença entre próteses totais sustentadas por implantes?

Dr. Dario Godinho – As próteses totais são as conhecidas dentaduras, usadas naqueles casos em que os pacientes perderam todos os dentes. É feita a substituição por um aparelho protético, conhecido como dentadura. Nesse tipo de tratamento, o paciente relata que as vezes tem dificuldade na mastigação dos alimentos. Isso ocorre porque por se trata de uma peça que não é fixa na boca. Dependo do alimento que ele mastiga, essa peça se movimenta e traz algum desconforto para o paciente.

As próteses implanto-suportadas, chamadas de próteses tipo protocolo, são usadas e indicadas para aqueles pacientes que usam as próteses totais. Ou seja, quem usa essas dentaduras mencionadas anteriormente. Elas são próteses instaladas em cima de alguns implantes colocados estrategicamente para a distribuição das cargas mastigatórias. Com isso, teremos uma prótese fixa, parafusada em cima desses implantes. Assim teremos, uma ótima fonética, conforto e principalmente uma estética excelente e muito satisfatória.

Aurélia Guilherme – Se um dente quebrado não puder ser restaurado, pode-se fazer um implante?

Dr. Dario Godinho – Sim. Um dente que fraturado,que não existe a condição de ser restaurado da maneira convencional, pode ser feito implante imediato. Atualmente é consenso entre nós profissionais que o melhor momento para a instalação do implante é logo após a extração. Ou seja, não é necessário mais que se aguarde algum período de cicatrização para colocação do implante.

Aurélia Guilherme –  Existe uma idade limite para receber implante?

Dr. Dario Godinho – Não existe idade limite para se receber o tratamento com implantes. O paciente, independente da idade, deve estar com sua saúde geral normal. Assim ele pode receber os implantes, independente de ter 70, 80 ou 90 anos de idade.

 

Implantes dentais mudaram a vida de Dona Eugênia

Dona Eugênia Guilherme mostra toda sua alegria e espontaneidade nesse ensaio fotográfico

Devolução da autoestima

Os implantes dentais foram um divisor de águas na vida de Dona Eugênia Guilherme. O vídeo do início é uma amostra disso. Ao libertar o seu sorriso, preso durante tantos anos de baixa autoestima, ela nunca mais parou de sorrir. E as portas do mundo se abriram. É incrível como um sorriso faz a diferença! Sua simpatia e espontaneidade lhe rendem convites que movimentam sua vida e massageiam a autoestima. Dona Eugênia foi a protagonista de um ensaio da mama. O ensaio para a Campanha de Incentivo a Mães e Filhas, no Cuidado com as Mamas. Detalhe: Ela tirou a blusa com a naturalidade e toda a segurança resgatadas com o novo sorriso.

Clique aqui para ver a primeira parte do ensaio

#boavida #boavidaonline #implantesdentais #resgateautoestima #blogdaaurelia #aureliaguilherme #dariogodinho #odontologia #implantodontista #protesedentaria