Arritmias Cardíacas, informe-se com os cardiologistas do Incor-São Lucas

Tempos atrás, me perguntaram sobre uma condição muito frequente no mundo atual: as causas de morte súbita. Há pelo menos 250 mil casos de morte súbita todos os anos. A maior parte dessas mortes está relacionada às arritmias cardíacas. O Incor-São Lucas é um grande centro de referência no tratamento das doenças cardíacas. Seu laboratório de hemodinâmica é um dos mais completos em infraestrutura de ponta. No Incor-São Lucas são realizados tratamentos minimamente invasivos, através da hemodinâmica.

Arritmias Cardíacas, informe-se com os cardiologistas do Incor-São Lucas

A cada 2 minutos, morre uma pessoa no Brasil, vítima de morte súbita causada por  arritmias cardíacas. São 250 mil casos fatais todos os anos

Arritmias cardíacas

O coração bate descompassadamente. Parece querer sair do peito. Uma palpitação doída, que dá uma sensação de fraqueza e de tontura. A pressão baixa, alguns pacientes se queixam ainda de confusão mental. Os cardiologistas do Incor-São Lucas alertam que podem ocorrer casos assintomáticos. Por isso, a importância de medidas preventivas, que passam por um check up anual.

Cerca de 5% da população brasileira possui algum tipo de arritmia. Muitos não sabem do problema, portanto, não negligencie os sintomas de palpitações ou batimentos irregulares. Cuide da saúde do seu coração!

Visite o perfil do cardiologista Raphael Freire e veja mais matérias sobre saúde do coração.

Arritmias Cardíacas, informe-se com os cardiologistas do Incor-São Lucas

Goiânia possui um dos mais tecnológicos laboratórios de hemodinâmica do país. O Incor-São Lucas está preparado para realizar qualquer tipo de emergência cardíaca

Qualquer pessoa pode desenvolver algum tipo de arritmia. Porém, aqueles que já sofreram infartos ou que possuem doenças do coração pré-existentes estão mais propensos às arritmias cardíacas. Antecedentes familiares também devem ser considerados.

Para cada tipo de arritmia, há um tratamento diferente que aumenta as chances de cura do paciente. Existem arritmias benignas e malignas. Em qualquer dos casos, as arritmias podem não apresentar sintomas.

As arritmias benignas trazem todos aqueles sintomas. Porém, não oferecem risco de vida para o paciente. Já as arritmias malignas são perigosas e podem levar o paciente à morte súbita. Porém, essa condição pode ser alterada, quando o socorro se faz em tempo hábil. Especialistas do Incor-São Lucas explicam que, frente à parada cardíaca, as manobras de ressuscitação levam ao retorno dos batimentos cardíacos. Mas, para isso, devem ser realizadas poucos minutos depois da parada cardíaca.

Saiba mais sobre o Cateterismo Cardíacote, um exame de diagnóstico e de tratamento de lesões cardíacas

Conselhos para uma vida mais saudável

Lembrando da máxima de todos os cardiologistas do Incor-São Lucas:

• Reveja o seu estilo de vida!

• Corte o cigarro de vez dos hábitos cotidianos.

• As bebidas alcoólicas devem ser recreativas.

• Faça atividades físicas com regularidade.

Para completar, os check ups anuais são importantes para avaliar a saúde cardíaca. E, caso seja necessário, faça uso correto da prescrição médica.Lembrem-se: as arritmias cardíacas podem ser prevenidas!

Leia também sobre Risco Cirúrgico – a importância desse exame pré-operatório

#boavida #boavidaonline #doencascardiacas #arritmiascardiacas #arritmias #incorsaolucas #drraphaelfreire #checkup #mortesubita #cardiologia #hemodinamica #cateterismocardíaco

Comentários