Problemas com a caspa

Problemas com a caspa são frequentes e muitas pessoas sofrem quando usam roupas escuras. E, com razão! Essa descamação do couro cabeludo chama a atenção e há vários mitos ligados à caspa. A dermatologista Lorena Dourado fala sobre o assunto.

problemas com a caspa

Os homens tem maiores problemas com a caspa do que as mulheres

Problemas com a caspa

A caspa esta é uma das manifestações da dermatite seborréica, uma doença inflamatória que acomete regiões ricas em glândulas sebáceas. Problemas com a caspa podem ocorrer, não só no couro cabeludo, mas em outras partes do corpo, como no rosto e no peito.

Os homens têm mais problemas com a caspa do que as mulheres. Infelizmente a caspa é recorrente e crônica, porém não é contagiosa. Sua causa ainda é desconhecida.

O que acontece?

Ocorre uma mudança no tipo de óleo produzido no couro cabeludo, por fatores genéticos. Isso leva a uma proliferação de fungos e a uma inflamação local. Tensão emocional pode agravar o problema, bem como o alcoolismo e algumas doenças neurológicas. O tratamento depende da gravidade do quadro. Pode ser feito, na maioria dos casos, com xampus antifúngicos (anti-seborréicos).

O problema é que esses xampus, geralmente ressecam o cabelo com a frequência do uso. Isso justifica a aplicação de cremes condicionantes nos fios. Mas evite aplica-los diretamente no couro cabeludo. Dependendo do caso, medicamentos orais de efeito anti-inflamatório também são prescritos. Procure um dermatologista, para um diagnóstico e inicie seu tratamento da forma mais adequada às suas necessidades clínicas.

Limpeza dos fios

Os cabelos podem ser lavados, conforme a necessidade individual. A frequência ideal é aquela que deixa o couro cabeludo limpo. Se, com as lavagens frequentes, os fios ficarem ressecados, deve-se usar cremes condicionantes.

Quanto maior a frequência de lavagens, mais fraco deve ser o xampu. Se tiver os cabelos oleosos, não use o condicionador em contato com as raízes. Use-o só nas pontas. A oleosidade ideal é aquela que se distribui pelos fios, cobrindo os cabelos sem se acumular no couro cabeludo.

Visite o perfil da dra. Lorena Dourado e veja o que ela diz sobre a saúde dos cabelos

Água quente

A água quente, da mesma forma que resseca a pele, resseca o fio do cabelo. Procure lavar os cabelos com água mais morna ou fria. A frequência não aumenta a queda.

O secador e a chapinha, devido a alta temperatura, podem dar bolhas difusas nos fios, piorando a qualidade destes. Evite-os. Se usar o secador, o faça o mais distante dos fios e com o ar, de morno para frio. Se usar a chapinha, passe antes nos fios, algum produto oleoso, como o silicone. Isso facilita o deslizamento do movimento e diminuir o tempo de contato entre o aparelho e o cabelo.

Consultoria dra. Lorena Dourado – dermatologista

Prefira os especialistas associados à Sociedade Brasileira de Dermatologia

#Problemascomacaspa #caspa #dermatiteseborréica #dermatiteseborreica #Tensão emocional #xampusantifúngicos

Comentários