Problemas nos joelhos, com o Ortopedista Junichiro Sado Júnior

Problemas nos joelhos

A maioria das pessoas só dá atenção aos joelhos quando eles doem, incham ou limitam seus movimentos. Considerada a maior articulação do corpo humano, os joelhos são uma estrutura complexa de absorção de carga, energia, suporte do peso corporal e impacto.

Problemas nos joelhos - doenças dos joelhos - joelho machucado - lesão no joelho - boa vida online

Problemas nos joelhos, com o Ortopedista Junichiro Sado Júnior

 A seguir, o renomado Ortopedista Junichiro Sado Júnior, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho e da International Society of Arthroscopy, Knee Surgery and Orthopedic Sports Medicine (ISAKOS), enfatiza as lesões e os problemas mais comuns que acometem os joelhos. Confira:

Problemas nos joelhos - Ortopedista Junichiro Sado Júnior - Goiânia - Boa Vida Online

Dr. Junichiro Sado Júnior, Ortopedista, CRM – GO 7608

Boa Vida Online – O joelho é a maior, mais complexa e uma das mais utilizadas articulações do corpo humano. De forma breve, o senhor poderia explicar, ao nosso leitor, a razão dessa articulação ser tão fragilizada também?

Dr. Junichiro Sado Júnior – Na verdade, eu diria que o joelho é uma das articulações mais suscetíveis às lesões esportivas, pois sua anatomia óssea é relativamente instável, tornando – o muito dependente de outras estruturas, tais como os ligamentos e os meniscos, para que funcione de forma satisfatória durante a atividade física.

Boa Vida Online – Quais são as lesões e problemas mais comuns que acometem os joelhos e como tratá-los?

Dr. Junichiro Sado Júnior – As lesões mais comuns são as decorrentes dos traumas esportivos, que acometem os ligamentos e meniscos; as lesões degenerativas, decorrentes do processo de envelhecimento, tais como as osteoartrites (artrose); e as lesões ocasionadas pelos acidentes de trânsito, que são as fraturas. Os tratamentos para cada tipo de lesão são muito variáveis e dependem de diversos fatores, que só uma avaliação individualizada, feita por um ortopedista especialista em doenças do joelho, pode determinar.

Boa Vida Online – É comum que as pessoas não dêem atenção aos joelhos, até que eles causem algum desconforto, dor ou interfiram em suas atividades normais do dia a dia. Como mudar esse hábito e dar mais atenção à saúde dos joelhos?

Dr. Junichiro Sado Júnior – De forma geral, a profilaxia das lesões dos joelhos acontece da mesma forma do que nas demais doenças: um estilo de vida saudável, mantendo o peso corporal controlado; a prática de exercícios físicos, porém sem excessos; e redução da exposição às situações de risco de acidentes.

Boa Vida Online – Quando é preciso procurar um médico ortopedista? Quais sinais, deve-se estar atento, para evitar o agravamento de possíveis problemas?

Dr. Junichiro Sado Júnior – O principal sintoma, sem dúvida, é a dor. Geralmente quando a dor se torna incapacitante, ou seja, quando ela interfere nas atividades cotidianas da pessoa, este é o primeiro sinal de que há algo errado. Também pode ocorrer inchaço, sensações de instabilidade, insegurança ou sensação de que há “algo solto” dentro do joelho.

Boa Vida Online – Pode-se afirmar que o sedentarismo é o principal responsável pelo desequilíbrio e pela fraqueza muscular no joelho?

Dr. Junichiro Sado Júnior – Sim. A fraqueza muscular repercute não somente no joelho, mas em todo o funcionamento corporal e diminui muito a qualidade de vida, especialmente nas pessoas mais idosas. A fraqueza muscular pode ter várias causas, a exemplo do envelhecimento e de algumas doenças, mas, sem dúvida, o sedentarismo é a principal delas.

Problemas nos joelhos - Boa Vida Online Boa Vida Online – Uma pessoa sedentária, que pretende incluir a atividade física em sua rotina, que cuidados deve tomar para não prejudicar os joelhos? Por exemplo, observar o tipo de calçado que utiliza durante o exercício?

Dr. Junichiro Sado Júnior – A escolha do calçado é um fator importante, mas costuma ser super valorizado. Para saber qual o tênis mais adequado ao seu tipo de pisada, basta fazer um teste relativamente simples com um ortopedista. Porém, observo na prática diária que, a principal causa de lesões ortopédicas, em pessoas que querem sair do sedentarismo é a realização de exercícios inadequados para a sua condição física e sem a orientação de um bom profissional de educação física.

Após um período sem a prática de esportes, o corpo precisa de dois a quatro meses de adaptação (ou readaptação) para que consiga praticar atividades de impacto, com menor risco de lesões. Durante esse período de adaptação, é importante enfatizar o reforço muscular, os alongamentos, e manter exercícios aeróbicos de baixo impacto, tais como bicicleta, transport (ou elíptico), natação e hidroginástica. A caminhada (mesmo na esteira!) tem um pouco de impacto, enquanto os esportes de corrida e saltos têm muito impacto e só devem ser introduzidos na rotina, quando o “atleta” já estiver com o peso corporal mais controlado e com a musculatura mais preparada.

Boa Vida Online – Com o envelhecimento, a partir dos 40, 50 anos, é certo que todas as pessoas vão ter algum problema relacionado aos joelhos?

Dr. Junichiro Sado Júnior – A partir dos 50 anos de idade as lesões degenerativas se tornam cada vez mais comuns, porém nem todos desenvolvem sintomas. Só para exemplificar, nessa faixa etária, a incidência de osteoartrite do joelho, gira em torno de 50% da população.

Problemas nos joelhos - artrose nos joelhos - Boa Vida Online

Artrose nos joelhos

Boa Vida Online – Com relação ao processo de envelhecimento, sabe-se que a artrose é um mal bastante comum, especialmente em mulheres. A artrose é uma doença degenerativa? Como se dá o tratamento?

Dr. Junichiro Sado Júnior – A osteoartrite ou artrose é uma doença degenerativa cujo tratamento depende de vários fatores que devem ser analisados individualmente para cada paciente. As orientações iniciais mais comuns são a perda de peso, exercícios de fortalecimento muscular e a redução de atividades de impacto nas atividades cotidianas e nas atividades físicas. Também é importante o uso de medicamentos específicos que podem sem tomados por via oral ou podem ser injetados diretamente dentro do joelho. Por fim, pode-se indicar os tratamentos mais complexos, tais como cirurgias dos mais diversos tipos, de acordo com cada caso.

Boa Vida Online – É possível conter a progressão da artrose?

Dr. Junichiro Sado Júnior – A artrose é uma doença de múltiplas causas. Existem fatores hereditários, genéticos e aqueles relacionados com o envelhecimento que não podemos evitar. Por outro lado, existem fatores relacionados com a obesidade, excesso de exercícios de impacto, traumas esportivos ou acidentes de trânsito, para os quais podemos tomar medidas, visando a diminuição dos riscos.

Boa Vida Online – Em pacientes com artrose, quando está indicada a cirurgia?

Dr. Junichiro Sado Júnior – As cirurgias estão indicadas nos pacientes com artrose, quando os tratamentos clínicos e os medicamentosos já não são suficientes para controlar os sintomas de dor do paciente e quando a qualidade de vida está muito comprometida, interferindo na realização das tarefas simples e básicas do dia-a-dia.

Boa Vida Online – Qual sua opinião sobre infiltração articular? Esse tratamento já substitui algumas cirurgias? Em que casos?

Dr. Junichiro Sado Júnior – Existem vários tipos de infiltração articular para vários tipos de doenças nos joelhos. No caso da artrose podem ser utilizados em casos selecionados. Basicamente dois tipos de medicamentos podem ser infiltrados: os corticóides, que servem para aliviar a dor em casos de processo inflamatório agudo (seu efeito dura apenas 30 dias) e o ácido hialurônico, que é uma tipo de “gel lubrificante” que melhora o funcionamento do joelho por um período aproximado de seis meses. Esses medicamentos fazem parte do arsenal de opções para o tratamento clínico da artrose, porém não substituem o tratamento cirúrgico para os casos mais graves, que já não respondem a nenhum tipo de tratamento.

Boa Vida Online – Após passar por uma cirurgia no joelho, é possível retornar às atividades físicas normalmente ou sempre há sequelas?

Dr. Junichiro Sado Júnior – As doenças do joelho, são como as doenças de qualquer outro órgão. Existem doenças de tratamento cirúrgico mais simples e que são completamente “curadas”; existem doenças em que a cirurgia melhora muito o funcionamento do joelho, porém permanece algum tipo de limitação e, existem situações mais raras em que nem a cirurgia consegue melhorar o funcionamento do joelho.

Boa Vida Online – Quem sofre uma lesão no joelho, deve passar a ter uma atenção especial, algum cuidado a mais com o joelho, mesmo após realizado o devido tratamento médico?

Dr. Junichiro Sado Júnior – Depende do tipo de lesão. Se for uma lesão totalmente curável, o paciente tem vida normal sem restrições. Caso contrário, ele deve seguir as recomendações e limitações sugeridas pelo especialista.

Boa Vida Online – Como estão os avanços da Medicina com relação ao diagnóstico e tratamento de doenças e lesões relacionadas aos joelhos?

Dr. Junichiro Sado Júnior – Assim como em outras áreas da medicina, os avanços da Ortopedia são constantes e exigem estudos e atualizações frequentes por parte dos profissionais. Sempre há espaço para a evolução de novos tratamentos, tais como as células tronco, terapias genéticas, engenharia de tecidos, novos medicamentos desenvolvidos pela indústria farmacêutica, etc…

Boa Vida Online – Hoje em dia há vídeos disponíveis na internet que ensinam a prática de exercícios físicos em casa. Essa prática, sem a devida orientação, pode ser perigosa. Há muitos casos de pacientes que chegam ao consultório lesionados, pela prática errada de exercícios físicos?

Dr. Junichiro Sado Júnior – Certamente, essa é uma causa frequente de lesões. Enfatizo a importância do acompanhamento de um bom profissional educador físico para qualquer pessoa que queira praticar atividades físicas, com menor risco de lesões.

Comentários