Rejuvenescimento das Mãos, com Lana Bezerra Fernandes

17111795_xxl

As mãos estão sempre em evidência, mas na maior parte do tempo são deixadas de lado nos rituais de beleza, o que não acontece com a face, o pescoço e o colo. À falta de cuidados, somam-se o envelhecimento natural e as agressões externas. Se deixarmos, elas vão se tornando envelhecidas, magras, enrugadas e manchadas. Mas, sempre é tempo de recuperar a beleza das mãos. Veja no artigo da dermatologista Lana Bezerra Fernandes:

17111795_xxl

Dra. Lana Bezerra Fernandes, Dermatologista, CRM-GO: 12829

“As mãos nos ajudam a ‘falar’ e a nos expressar melhor. Elas dão graça e, muitas vezes, leveza aos nossos gestos. Outras vezes, também demonstram delicadeza e elegância. É verdade, existe mesmo magia e poesia em nossas mãos. Mas, não há como escapar do envelhecimento. Nosso corpo é um reflexo da genética e da forma como nos cuidamos e permitimos as agressões externas. É comum negligenciarmos os cuidados que as mãos merecem. Quando estão envelhecidas, denunciam a idade e podem dar uma impressão equivocada de descuido, já que esta parte do corpo é bastante vulnerável ao fotoenvelhecimento. Por ser pobre em subcutâneo, também é uma área mais ressecada e susceptível às agressões do cotidiano, como quando utilizamos detergentes, sabonetes ou simplesmente quando frequentemente a colocamos em contato com a água. Sendo assim, é preciso ter atenção e cuidados especiais com as mãos.

O envelhecimento é um fenômeno caracterizado pela perda da elasticidade da pele, pela queda de tecidos (pele, músculos, gordura), pelo crescimento das cartilagens e pela absorção óssea (aspecto esqueletizado e emagrecido). O dorso das mãos começa a evidenciar tendões, veias, além das manchas de sol e da idade, o que as deixam com aspecto cansado. A pele fina fica mais sensível e como os vasos sanguíneos se tornam frágeis, podem aparecer hematomas espontâneos, assim como a perda do subcutâneo leva ao risco de formação de púrpuras (extravasamento de sangue).
Felizmente, para a pele das mãos, independente do tipo da lesão e do grau de envelhecimento, existem vários tratamentos. O ideal é que seja uma associação de tratamentos para uma melhor resposta final. Dentre os que existem, os mais usados para a recuperação e a revitalização das mãos são:

Peelings químicos: Há vários peelings para as mãos, porém somente após a avaliação dermatológica, do perfil e das condições clínicas do paciente, indica-se qual o mais adequado para aquela necessidade. O peeling de ácido retinóico é interessante, assim como o de ácido tricloroacético (ATA), que apresentam melhora significativa nas manchas e na textura da pele, podendo ser usados isoladamente ou em conjunto;

Laser e Luz Intensa Pulsada (LIP) – Utilizados para acabar ou amenizar as manchas ou melanose das mãos (manchas de sol), esses procedimentos também estimulam a produção de colágeno. Existem vários aparelhos e a melhor indicação depende de cada caso. Geralmente, os resultados desses tratamentos trazem grande satisfação ao paciente, quando usados no combate às manchas das mãos. O ideal é que sejam equipamentos em que podemos regular a freqüência, a fluência e a troca de parâmetros para cada tipo de pele e de lesão, podendo ser usado, inclusive, em peles negras. O número de sessões depende de cada caso; em alguns pacientes, apenas uma sessão já resolve. Durante o tratamento, no lugar das manchas, há formação de crostas que desaparecem depois de uma semana. Durante esse tempo, é necessário o uso de luvas protetoras e muito protetor solar;

Preenchedores: Ácido Hialurônico, Ácido Poli-L-Lático, Hidroxiapatita de Cálcio são os melhores produtos para restaurar o volume das mãos. Alguns deles, simplesmente aumentam o volume adequado a elas. Outros preenchedores, além de volumizar, também melhoram o aspecto da pele, deixando-a mais viçosa e firme. O procedimento é simples e pode ser realizado com anestesia local. Através de pequenos furinhos no dorso da mão, são introduzidas as microcânulas, que têm a função de transportar o produto que vai recuperar o volume do dorso da mão. Não são necessários incisões ou pontos. O paciente retorna para as suas atividades imediatamente, devendo apenas evitar trabalhos manuais pesados.

O rejuvenescimento das mãos mexe com a vaidade e a autoestima das pessoas. Com a associação de cremes hidratantes, peelings e laser/foto-rejuvenescimento, as mãos ganham viço e o aspecto rejuvenescido, livres das manchas, com o volume certo e com as veias e tendões disfarçados. Portanto, não perca mais tempo, procure o seu dermatologista agora para começar a cuidar de suas mãos!”

Comentários