Trans perfeita: Conheça Camila Montovani

Algumas pessoas são tão magnetizantes, que é impossível não percebe-las por onde passam. Assim é Camila Montovani, linda, inteligente, fashion e cheia de sonhos. Camila já foi menino, muitos anos atrás. Mas, isso não faz diferença alguma.  Camila Montovani é uma trans perfeita, veja porquê:

Trans-perfeita-Camila-Montovani

Trans perfeita – Camila Montovani é muito feminina e é dona de um magnetismo perfeito. Difícil é filtrar os olhares de admiração e de inveja

Trans perfeita

Quando se escolhe o caminho da felicidade, o que poderia ser um drama,  se torna apenas um detalhe. Camila Montovani fez as escolhas certas. Basta olhar para ela. Uma mulher que se libertou das amarras e enfrentou o medo, a insegurança e foi à luta, em busca de sua real identidade. Ela é mesmo incrível, uma trans perfeita!

Trans-perfeita-Camila-Montovani Trans perfeita-Camila-Montovani | Comportamento | Boa Vida Online Trans-perfeita-Camila-Montovani

Quem é Camila Montovani?

“Uma garota nascida menino e que cresceu em uma fazenda, em Bela Vista de Goiás, até os 15 anos de idade. Pura, plena de alegria e de vontade de expandir tanta energia.

 Me levantava cedo, e agia como um garoto da fazenda. Ajudava meu pai na plantação, nas colheitas e cuidava dos animais. Nossa família, linda e simples, me ensinava que o mais importante na vida é o respeito e a educação. Sobrinha do contador de causos Geraldinho Nogueira, vivíamos em um tempo divertido.

Era uma infância feliz. Mas, no fundo da alma, não era aquilo que eu queria para a minha vida. Sempre tive uma beleza exótica. Desejava uma vida social intensa. Precisava seguir meus sonhos e meus desejos, viver histórias de contos de fadas. Me sentia especial, como se tivesse uma missão no mundo. Ficar em Bela Vista de Goiás era, para mim, fim de carreira. Sentia necessidae de ampliar meus horizontes, abrir a minha mente”.

Lembranças

“Me lembro de quando eu tinha dois anos de idade e fui picada por um escorpião. Chorava muito. Minha mãe sequer desconfiava das razões da minha dor. Minha pele, na região da picada já estava ficando escura. Desesperada e, junto com o meu pai, eles me levaram a um hospital.

Trans-perfeita-Camila-Montovani

Trans perfeita – Seu look é sempre bem cuidado. Camila é uma inspiração ao mundo feminino

Chegando lá, Uma senhora bem velha, com um raminho verde na mão, veio em nossa direção. O raminho foi passado na minha testa e ela orou por mim. Parei de chorar. Não sei como, mas ela disse que eu havia sido picada por um escorpião e que nós podíamos voltar para a casa. Ela nos disse que eu iria trocar de pele. E isso foi exatamente o que aconteceu. Me lembro de que aos 3 anos, já me sentia menina, entre minhas bonecas. E, assim fui crescendo, passando por momentos únicos na minha vida. Nunca mais vimos aquela mulher”.

Caminhos tortuosos

“Já adolescente e muito bonita, em uma festa em Goiânia, fui convidada para trabalhar como modelo em uma agência. Um sonho que se realizava e mal sabia eu, que tão logo isso se tornaria um pesadelo. Meus pais precisaram vender muitas cabeças de gado para eu fazer parte do quadro de modelos da tal agência. E, assim o fizeram, sempre me incentivando a seguir meu caminho de sonhos. Mas fomos passados para trás e não cumpriram o prometido.

As dificuldades do caminho são muitas, mas o destino não havia me escolhido em vão. Passado algum tempo, a fazenda já era passado para mim. Havia me mudado para Goiânia. Passeando em um shopping, um olheiro me viu mas ainda não estava feliz. Passava nos testes e, desistia de todos. Até que uma empresária me convidou para fazer uma campanha de moda para a sua marca. Foi um sucesso. Estava com 16 anos. Sonhava alto, a cada dia, mais alto.

Novamente, andando pela rua, outro olheiro, desta vez, do reality show Big Brother Brasil. Ele me viu, correu atrás de mim e disse que eu tinha tudo para entrar na casa. Mas era menor de idade e não pude participar. Fiquei muito triste, mas passou”.

As portas do mundo se abrem

“Faltavam dois meses para eu completar 18 anos, uma amiga me convidou para ir à Milão. Ela era modelo e tinha compromissos de desfile. Era a chance que eu tinha de viajar e experimentar novas perspectivas. Embarcamos. Assim que chegamos, amei aquele lugar, era tudo que queria. Faltava uma semana para Milão Fashion Week. Minha amiga ia desfilar e eu já estava sentada na segunda fila, excitada com todas aquelas novidades. À minha frente, na primeira fila vip, estavam três homens, um deles me chamou a atenção. Ele era um anjo, no meio de dois seguranças. Em algum, momento nossos olhares se cruzaram e… nos apaixonamos.

Trans-perfeita-Camila-Montovani Trans-perfeita-Camila-Montovani

O aprendizado

Mal sabia eu, de que se tratava de um alto executivo experiente e bem sucedido; Certamente, ele poderia ter quem bem quisesse ao seu lado. Mas ele se apaixonou por mim, a moça da fazenda, simples, linda e jovem, que não falava uma palavra em italiano. Mas o amor não tem fronteiras e não precisa de palavras para transformar e aquecer os corações. Logo, já estávamos conversando à nossa maneira, decifrando nossas personalidades e sonhos. Disse a ele que gostaria de ter minha própria grife de vestidos de alta costura. Imediatamente, ele já me posicionou em campanhas de moda e fui me estabelecendo.

Namorávamos e ele ia me ensinando tudo. Aprendi a me comportar, a manusear os talheres, a me vestir, tudo, era como a um conto de fadas. Mas isso mudou com o tempo e, ele deixou de me apoiar. Os desfiles, as mídias, ele não queria que eu ficasse exposta, logo naquele momento em que me sentia completamente mulher, feliz e no corpo que sempre quis ter. Ele me impediu de fazer aquilo que eu queria. Novamente, virei a mesa e resolvi mudar tudo. Comecei a fazer design de moda, me formei e, em três anos, fui me transformando, sem muita exposição”.

Trans-perfeita-Camila-Montovani

Trans perfeita: O amor dos pais foi fundamental na construção da mulher inteira e segura

O amor dos pais que constroi

“Se eu tive algum medo na vida, foi de ser julgada pelos meus pais. Mas, eles são incríveis e sempre me deram total autonomia para escolher os meus caminhos. Me disseram para buscar minha felicidade. O amor entre nós sempre fala mais alto. Meus pais estão presentes em todos os momentos importantes da minha vida. Eles são meu porto seguro e sentem orgulho da minha força, garra e perseverança!

Resolvi contar aos meus pais que havia assumido a mulher que sempre esteve em mim, quando voltei ao Brasil. Eles agiram como pais amorosos que são. Me encorajaram a buscar a felicidade da forma como mais me conviesse. O amor quebrou todos os preconceitos.

A partir daí, passei a participar de eventos importantes e fazer tudo o que sempre sonhei, como Camila. Mas, o melhor foi eu ter me aceitado da forma como eu sempre quis ser. Me reencontrei depois disso.

A vida é um “bafo”

Venci o Miss Gay 2014, miss diversidade 2015, vieram vários convites para TV, novos reality shows, mas ainda não me sentia pronta para tanta exposição. Hoje, me sinto totalmente preparada para tudo. Esse é o ano da minha mais intensa transformação. Sinto todas as coisas boas que estão vindo para mim. Estou prosperando, os jornais e a mídia falam da minha beleza exótica e estou atraindo pessoas famosas e do meu meio. As portas estão se abrindo e eu me tornando cada dia mais conhecida pela beleza e por ter a coragem de assumir quem eu sou e de dar voz à minha sexualidade.

Quando tantos se calam diante de conflitos dessa natureza, eu grito a todos: Veja a mulher que me tornei! Agora estou me preparando para ser destaque de Carnaval, em São Paulo e no Rio de Janeiro. Vou lançar meu livro e minha coleção de joias, como designer. Eu nasci para o luxo! Definitivamente, minha vida é um ‘bafo’“!

Design de joias

“Sim, estou me preparando para lançar minha coleção de joias. A paixão por pedras preciosas me acompanha desde a infância. Me lembro de meu pai, contando as histórias sobre a vida no garimpo e as pedras preciosas. Eu sempre ficava por ali, ouvindo e perguntando tudo sobre o assunto.

Não deu outra. Bons parceiros entraram em meu caminho e, hoje, com sede na Suíça, em Lugano, temos uma grande equipe trabalhando em peças de luxo, sofisticadas e exclusivas, enfeitadas com gemas incríveis. Logo, Camila Montovani estará no pescoço de Aurélia Guilherme”.

O primeiro beijo…

“Nunca tive conflito algum com minha sexualidade, muito pelo contrário. Eu sempre fui uma mulher, em quase todos os aspectos. Quando criança, meu Universo girava em torno das bonecas e das comidinhas; vestidos e saltos altos. Só tinha medo do julgamento da minha família. O primeiro beijo teve gosto de liberdade.

Nunca vou me esquecer daquela sensação de ser livre e de dar asas ao meu desejo contido. Depois de três anos de paixão platônica, me declarei ao motorista da casa, quando ele me levava para a escola. Foi meu primeiro e inesquecível beijo. Depois disso, eu travei, tive medo dos meus sentimentos e não permiti mais qualquer afago, carinho ou coisa parecida do meu doce motorista”!

Trans-perfeita-Camila-Montovani | Comportamento | Boa Vida Online

Segura de si, essa trans perfeita diz que seu pequeno detalhe soma à sua beleza e desestabiliza os homens

 Segredos de alcova

“Na paquera, ajo como mulher e fico na minha. Mas, meu papel de mulher faço bem feito. Sou menso uma trans perfeita. Meu jeito doce encanta aos homens. Eles dizem que eu tenho algo que é inexplicável. Eu sinto mesmo, uma coisa louca por dentro quando um homem me olha. As travas foram um período da adolescência com prazo de validade. Não poderia ter sido diferente, depois da minha primeira vez na cama.

Foi maravilhoso, nunca mais travei meus desejos, pelo contrário, descobri que poderia me soltar mais, a cada nova experiência. Sexo é natural, é tudo de bom, adooooro! Mas tem que ter romance, isso faz com que eu me sinta viva e pulsante.

Na cama, tenho orgasmos intensos. O “algo a mais” que possuo enlouquece os homens! Sempre digo, no primeiro encontro, que sou mulher com “algo a mais”…. Eles me olham, sem acreditar no que digo e, não resistem aos meus encantos. Os homens acabam me confessando que sou perfeita demais, para detalhes como esse. Detalhes, que fazem um efeito incrível e propiciam uma experiência realmente única! Por essas e por outras coisas que os homens não resistem à uma mulher especial, como eu!

Camila Montovani é a musa da Nenê de vila Matilde no Carnaval 2018. Veja AQUI!

Conheça também Ludmilla Pimentel, a primeira advogada trans reconhecida internacionalmente!

#belezatrans #transperfeita #transexualidade #transgênero #MilãoFashionWeek #minhavidaéumbafo #boavidaonline #boavida

Comentários